Pesquisa sobre carimbó é apresentada na França

O pesquisador doutorando do LECC Marcello Gabbay, que está em estágio “sanduíche” na Université Paris-Descartes, sob tutela de Michel Maffesoli e Raquel Paiva, apresenta, nesta terça-feira 28 de junho, parte de seu trabalho sobre o carimbó do Marajó.

A pesquisa sobre a música originária do Pará como processo de comunicação “gerativa” (termo criado por Paiva em 2004) já passou pela Universidade de Aveiro, no congresso Performa, em maio, pelo Colóquio Anual do CEAQ (Centre d’Etude sur l’Actuel et le Quotidien, da Sorbonne), no último 20 de junho, e será apresentado agora no Ciclo Apeb, na Casa do Brasil, em Paris.

A Apeb é a Associação de Pesqusadores Brasileiros no exterior e promove este ciclo de debates, sempre às terças-feiras, na Casa do Brasil, na Cité Internacionale Universitaire de Paris.

O trabalho intitutlado “Música popular como processo de comunicação no Brasil: ritual e comunidade” será debatido juntamento com a pesquisa de outro brasileiro do Pará, o doutorando em filosofia da UFPA Heraldo Cristo, que fala sobre Foucault e a pintura.

Em julho, Gabbay apresenta-se no congresso do IAMCR, em Istambul, Turquia, onde também estarão Raquel Paiva e Muniz Sodré.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: