“Muro da Vergonha” volta a ser construído na Maré

Por: Gizele Martins – O Cidadão

Na época em que o Rio de Janeiro sediou os Jogos Panamericano (PAN), em 2007, autoridades governamentais queriam cercar as favelas, com o chamado “Muro da Vergonha”. Desta vez com a chegada da Copa do Mundo, em 2014, e das Olimpíadas, em 2016, o assunto voltou.. é isso mesmo, voltou e já está sendo construído pelas beiradas da Linha Vermelha na altura do Caju, mas agora com a desculpa de “abafar o som”, “proteger os moradores do barulho dos carros das principais vias”, disse o prefeito Eduardo Paes em entrevista a pouco tempo na TV.

É importante lembrar que na mesma época em que a ideia dos “Muros” apareceram em 2007, muita remoção e despejo surgiram também, assim como na comunidade de Mandacaru, na Maré, em que o prefeito dava na mão de cada família R$ 800 por cada barraco. Sem contar na Força Nacional que invadiram as favelas e reprimiram os moradores com o forte armamento e tanques de guerra. Algo parecido passamos agora, muita remoção, como o caso da Vila Autódromo, em que sua retirada já foi confirmada pela própria prefeitura, muito despejo, como o caso de muitas ocupações do centro da cidade, e muito extermínio, algo que acontece diariamente nas comunidades mais pobres. O que significa que a história apenas se repete, com discursos diferentes, mas com práticas muito parecidas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: